Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário de uma divorciada

Diário de uma divorciada

26.Out.07

Os Caminhos do Divórcio

O que é que falha quando um casamento não dá certo? De quem é a culpa? Normalmente, dos dois. Existem, no entanto, alguns erros a evitar quando se quer viver em pleno um relacionamento. São erros comuns e ideias erradas daquilo que é um casamento, que podem despoletar uma crise e até conduzir à ruptura:
Erro Nº 1) Achar que uma relação oficializada é uma relação mais segura e que um casamento é para sempre.
Erro Nº 2) Ser-se emocionalmente imaturo/a tentando alimentar o sonho romântico de que o outro nos irá proporcionar a estabilidade e paz que ainda não conseguimos alcançar dentro de nós mesmos.
Erro Nº 3) As pessoas dedicarem-se quase exclusivamente à “vida de casados” e abandonarem actividades do seu interesse e, muitas vezes, os próprios amigos e família.
Erro Nº4) O oposto do item anterior: a pessoa dedicar-se quase exclusivamente a outras actividades (por exemplo o trabalho) negligenciando o outro membro do casal.
Erro Nº 5) O casal decidir ter um filho para tentar “salvar” a relação.
Erro Nº 6) Uma convivência demasiado próxima com os pais de um ou de outro, permitindo que eles interfiram em assuntos que apenas dizem respeito aos dois.
Erro Nº 7) Achar que se consegue mudar o comportamento e defeitos do outro com o casamento.
Estes são apenas alguns sinais vermelhos. As vossas contribuições serão muito bem-vindas.
Na minha opinião, deveria existir um sistema de apoio público para orientar os casais com vista a verificar se os mesmos estão aptos para o matrimónio. Uma espécie de consultadoria pré-familiar à semelhança da que existe (ou será suposto existir) antes dos abortos. Olhem que não era mal pensado!! Fica aqui a sugestão…

14 comentários

Comentar post

Pág. 1/2